A inovação da solidão

Que tenhamos um pensamento crítico quanto ao que o video mostra e que consigamos, de alguma forma, mudar este rumo…

Vi no http://papodehomem.com.br/porque-o-botao-nao-gosto-inexiste-no-facebook/

Publicado em 11/12/2013, em Antropologia, Diversos, Psicologia. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

  1. cris danois

    Vi o video e achei-o alarmista, análise típica de nosso século baseada em afirmações que não se comprovam, que seriam questionáveis e abordando um “problema” humano que é mais antigo que se possa imaginar e tem pelo menos mais d 2000 anos. A solidão foi tema de muitos filósofos. Na época não havia Psicologia ou Sociologia mas a Ciência é a mesma e sempre deu conta. As religiões tb visam minimizar isso ,mas na minha opinião piora na medida que substitui a solidão po medo. Como escritora e filósofa tenho uma visão bem crítica desses supostos alarmes e distopias. E para seguir o novo pensamento, de Abraham e outros, sim, cada um é um universo criando seu próprio mundo que naturalmente atrairá os comuns por afinidade. Sem alardes, portanto. Ainda que se queira ficar só, é impossível, creia-me, já tentei! As redes sociais não são a causa, são consequência do nosso modo de pensar e sentir, das nossas expectativas… estamos em transição, com certeza, numa transição global que abarca desde o indiníduo e suas potencialidades até o mundo que estamos transformando e criando. No mais….O blog está ótimo!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: