Osho: Não existe o dia do juízo final

Ao nos dar a vida, a existência já nos aceitou. Não existe o dia do juízo final. Acredito no dia do juízo inicial – ele já passou, já acabou.
O dia em que Deus decidiu criar o mundo foi o dia do juizo. Nesse dia ele deve ter ponderado, pensado se deveria ou não criar o mundo, mas resolveu criá-lo. Ele decidiu que era melhor criar que não criar. Ele preferiu algo a nada.

Não importa o que tenha criado, ele é responsável por tudo. Eu não sou responsável, você não é responsável, ninguém mais é responsável. Toda a responsabilidade é de Deus ou da existência; todo bem que existe pertence a ele, todo mal também.

Podemos encerrar a questão, não precisamos nos preocupar com isso. Uma coisa posso lhe dizer: à medida que uma pessoa se aprofunda na meditação, percebe que não há a menor possibilidade de um dia do juízo final nem a necessidade de ficar preocupado.

Quando você fica em silêncio, começa a sentir o amor de Deus jorrando de todos os lados. De repente percebe que alguém está cuidando de você, que você não é ignorado, que não é uma coisa acidental, que você é intrínseco à existência.

Deus precisava de você, por isso ele o criou.

Osho, em “Meditações Para o Dia”

Fonte: Blog Palavras de Osho, http://www.palavrasdeosho.com/2011/08/nao-existe-o-dia-do-juizo-final.html

Anúncios

Sobre André Möller

http://www.andremoller.com.br

Publicado em 08/13/2011, em Filosofia. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: