Você sabia que nosso sistema solar pertence ao sistema das Plêiades?

Você sabia que nosso sistema solar pertence ao sistema das Plêiades? Noutras palavras, nosso sistema solar gira em torno do Sol Alcione, que é o Sol Central das Plêiades. O alemão Paul Otto Hesse faz interessantes comentários acerca das Plêiades.
Já sabemos que o ano sideral, também conhecido como Ano Ilíaco, tem uma duração média de 25 mil anos. De acordo com as medidas da pirâmide, podemos confirmar que esse tempo é de 25.827 anos terrestres, o que resulta em 2.152 anos para cada era.
O que pouca gente sabe é que aproximadamente a cada 12 mil anos a Terra entra numa zona luminosa ou radiativa, na qual permanece cerca de dois mil anos. Agora é possível entendermos o que significa ” não há mais noite nem precisam eles da luz da tocha nem da luz do sol pois o próprio Senhor Deus é a sua luz”. Os antigos já sabiam de todos esses fenômenos, a tal ponto que os registraram na Bíblia que, dentre outros temas, aborda a astrologia sagrada e a cabala.
Fomos informados que Alcione tem em torno de si um gigantesco anel radiativo, localizado em posição transversal ao plano das órbitas dos sóis de seus 7 sistemas solares. A largura desse anel é tão grande que pode ser medida em anos-luz. Assim, de tempos em tempos, os sóis (nosso sistema solar incluído) com seus planetas cruzam obrigatoriamente o anel radiativo de Alcione. Cada sistema solar e cada planeta, dependendo de velocidade e de localização, demora mais ou menos tempo para atravessá-lo. Com relação ao nosso sistema solar, os antigos já sabiam que demora uns dois mil anos, aproximadamente.
Imaginemos agora a Terra atravessando esse gigantesco mar de radiação. Todas as moléculas e átomos da matéria terrestre se excitarão com a presença da radiação, e não há como negar que isso provocará uma modificação radical em toda a estrutura química e orgânica de tudo que vive sobre e dentro do planeta. Um dos fenômenos mais espetaculares que alguns verão é a luminescência contínua que iluminará até o interior das cavernas mais profundas da Terra. Segundo consta, não é uma luz quente, mas uma luz que não produz sombras nem calor. Até o interior do nosso corpo será iluminado, então.
Será a radiação de Alcione que irá modificar integralmente tudo que existe sobre a Terra. Até o caráter das pessoas (dos sobreviventes) será modificado. Surgirão novas espécies de animais e novos tipos de vegetais, fruto da alteração genética. O próprio homem se modificará, fisicamente falando. A iminência de entrarmos nessa zona radioativa, cremos, pode explicar muitos fenômenos, inclusive o das naves espaciais (OVNIS). Afinal, eles sabem o que irá acontecer porque eles têm a História do homem registrada com total precisão.
Independente disso, Hesse diz: “Se a Terra entrar primeiro nos anéis de Alcione, produzir-se-á na atmosfera terrestre um fenômeno semelhante ao de um incêndio, tanto do céu quanto da Terra. Mesmo assim, não haverá calor nem prejudicará ninguém, pois será um espetáculo somente para a vista e para os sentidos, ainda que se verifiquem mudanças na matéria, que parecerá mais luminosa ou fosforescente”.
“Mas se o Sol entrar primeiro que a Terra nos anéis de Alcione, produzir-se-á na Terra uma escuridão como de noite, com chuvas de estrelas que durará cerca de 110 horas. Em seguida a Terra passará pelo mesmo fenômeno – ou seja, ficará iluminada continuamente por dois mil anos. Essa obscuridade virá como conseqüência da modificação repentina da radiação solar pelo contato que ela sofrerá com o anel de Alcione. Mas, depois, seremos iluminados por uma luz que nunca se acaba…
Como fenômeno provável, podemos imaginar que ao alterar-se a relação do Sol sobre a Terra, esta diminuirá progressivamente sua velocidade de rotação sobre o seu eixo fazendo os dias mais longos e conseqüentemente, se afastará um pouco de sua órbita, tornando também seus anos mais longos.
Essas explicações científicas, para nós, deixam claro os textos de todos os profetas e videntes. Especialmente quando examinarmos os pontos adiante. Antes disso, completamos nossas explicações sobre o que diz Hesse. Diz ele que a luz radioativa não tem calor, mas afetará os raios solares, provocando, por sua vez, uma pequena glaciação, que se estima alcançar até os paralelos 40 norte e sul, deixando como região habitável a faixa equatorial.
Mas a faixa equatorial não deverá ser a mesma de hoje. Com a entrada no campo radioativo de Alcione, deverá haver uma inclinação quase que brusca dos eixos do planeta. Sabe-se hoje, cientificamente, que o fenômeno de glaciação têm acompanhado o homem com certa regularidade. Porém, nunca se soube do motivo. É evidente que o que estamos dizendo aqui não será aceito por ninguém da comunidade científica. Mas isso não importa. Queremos é alertar você, amigo estudante. Queremos é preparar sua mente, suas emoções para quando o dia chegar. Assim, você não ficará apavorado e tomado de medos. Você, então, será um privilegiado!
Um outro ponto importante que temos que levar em conta é: se não mais houver dia nem noite, o homem perderá a noção de tempo, que hoje lhe é dado em função dos dias e das noites. Outra coisa será o desaparecimento das estações do ano. Em todo caso, a Terra continuará sempre dependendo do Sol, mas tudo mudará em sua superfície e em seu interior. Se os eixos do planeta mudarem, também mudará a geografia. Haverá terra firme onde hoje tem água e vice-versa. De qualquer modo, a humanidade sobrevivente se adaptará a nova realidade.
FONTES: http://vamospensar2012.blogspot.com/2011/01/gnose-ameaca-vem-do-cosmo.html | http://www.gnose.org.br/conteudo.asp?id=35&texto=3506&tipomenu=h&titulo=
Anúncios

Publicado em 04/16/2011, em Ciência e marcado como , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: